Redes Sociais

Nosso Whatsapp

 (19) 9.9929 1015

Encontre o que deseja

NO AR

Portal NOVA 15

    Educação

Em encontro da Apeoesp, comunidade escolar e pais rejeitam volta às aulas.

Bebel

Publicada em 07/08/20 as 01:14h por Danilo Telles - 222 visualizações

Compartilhe
   
Link da Notícia:
Encontro virtual promovido pela Apeoesp.  (Foto: Divulgação - APEOESP)
Encontro virtual promovido pela Apeoesp (Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo) nesta última quarta-feira, 05 de agosto, que reuniu mais 700 participantes entre professores, estudantes, funcionários, pais, mães, responsáveis e representantes de outros segmentos sociais, rejeitou a proposta da volta às aulas presenciais. O encontro foi coordenado pela presidenta da Apeoesp, a deputada estadual Professora Bebel (PT), com o objetivo de ouvir a posição da comunidade escolar, uma vez que o governo do Estado de São Paulo pretende que o retorno das aulas presenciais nas escolas de São Paulo ocorra a partir do próximo dia oito de setembro. 
Houve consenso entre todos os participantes quanto à irresponsabilidade de um retorno às escolas num momento de pandemia, sem vacina e sem que as unidades escolares possuam as condições mínimas para assegurar condições de higiene, segurança sanitária, ventilação para que estudantes, professores e funcionários possam participar do processo educativo sem colocar em risco suas vidas. “Como sabemos, faltam funcionários nas escolas, falta água, bebedouros, banheiros adequados e chega a faltar até mesmo papel higiênico na maioria das unidades escolares. Se o governo não garante materiais, instalações adequadas e condições estruturais nas escolas em situação de normalidade, como acreditar que garantiria agora álcool em gel, medidores de temperatura, funcionários em número suficiente e todas as demais condições para a volta segura das aulas presenciais?”, questiona a deputada Professora Bebel. 
Outra preocupação levantada no debate é com relação às condições de segurança dos estudantes do período noturno, considerando-se que o movimento nas ruas diminuiu sensivelmente neste período de maior isolamento. “Queixa legítima em face da enorme insegurança vivida em São Paulo”, ressalta a presidenta da Apeoesp.
A reunião foi considerada extremamente produtiva, com pais, mães, estudantes, professores e funcionários se pronunciaram e fizeram sugestões e propostas que, juntamente com as apresentadas pela presidenta da Apeoesp serão colocadas em prática em defesa da vida de todos e contra a volta das aulas presenciais.









ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:


Nosso Whatsapp

 (19) 9.9929 1015

Visitas: 821629 | Usuários Online: 38

Todos os direitos reservados a NOVA 15 - Todos os direitos reservados